ESTILO

Scenique, os novos óculos da Miu Miu

eyewear_scenique_sunglasses_evidenza

Feminino, moderno e a cara do verão. Meu favorito da temporada já foi eleito – Scenique, os novos óculos da Miu Miu. O modelo tem design inspirado em borboletas, com armações douradas que desenham linhas sinuosas e traduzem perfeitamente a Miu Miu Girl: rebelde, mas ainda feminina.

O modelo acabou de desembarcar nas lojas do Brasil. Wishlist já!

Beijo, Beijo.

Mari.

FRANCISCO BELTRÃO

Happy B-bay to me

marianademoraesalameda13-foto caroline moschei

Siiim, no último dia 17 esta pessoa que vos escreve há 3 anos completou 26 primaveras. Posso dizer que ainda me sinto com 20 aninhos, juro! kkk A convite da super fotógrafa aqui de Francisco Beltrão, Caroline Moschei, fizemos um shooting comemorativo hiper divertido. Algumas fotos já compartilhei no Instagram, e como fizeram muito sucesso por lá, ficou impossível não publicar aqui também.

marianademoraescarlinemoschei

Aproveito o post para agradecer as mensagens, e-mails, presentinhos e todo carinho recebido nestes últimos dias. É muito bom sentir-se amada, vocês já fazem parte da minha vida, mesmo. Muito obrigada, de todo coração. Estou com alguns planos comemorativos para este segundo semestre e se tudo correr como estou planejando (amém!), logo teremos uma super festa do blog. Ebaa!

marianademoraescarolinemoscheialameda13

Gostaram? Eu amei muuito! Acho que vocês verão mais coisas da Carol por aqui em breve. Aguardem.

Beijo, Beijo.

Mari.

 

 

FRANCISCO BELTRÃO

WANNA BE KIM KARDASHIAN

Hello, meninas! Como vocês estão?

Bom, meu nome é Maressa de Moraes, sou irmã da Mariana, e a partir de hoje vou ter meu espacinho aqui no Alameda. Moro em Francisco Beltrão/Paraná, cidade natal da Mari, e vou trazer pra vocês um pouquinho do que rola por aqui, já que o blog tem vários acessos do sudoeste, né?

Então, lá vai! Meu primeiro post vai ser sobre uma make linda e super atual, com contorno marcante e muita iluminação. Já conseguem imaginar qual é?

kim

Sim, estamos falando da make de Kim Kardashian, it girl e ícone de estilo e beleza. Kimberly Kardashian West tem 35 anos e nasceu na Califórnia. Embora seja de uma família tradicionalmente conhecida, foi com uma sex tape que Kim entrou realmente no mundo artístico, ganhando fama e repercussão.

As maquiagens da socialite conquistam cada vez mais o público feminino. O contorno marcante e pele iluminada são itens essenciais para uma make Kim. Semana passada fui no meu super cabeleireiro e maquiador, Ruan Kendrew, – (ele arrasa!) –, aqui de Francisco Beltrão, e usamos ela como referência. Aproveitei para fazer algumas perguntinhas para ele e espero que vocês curtam. Let’s check!

alameda13

A13 – Quais são os produtos essenciais para fazer uma make estilo Kim Kardashian?

RK: Primer, base corretivo escuro para o contorno, muito iluminador e batom nude.

A13 –  Conseguimos fazer esta make em casa, sem auxílio de um maquiador?

RK: Claro, basta ter cuidado na aplicação dos produtos, e claro, um pouco de prática para não exagerar no contorno (risos).

A13 – Esta make pode ser usada por todas as idades?

RK: Não. Em pele madura não dá certo, sabe? O contorno é pesado e pode deixar a mulher mais velha. Inclusive, poderá marcar as linhas de expressão.

marianademoraesalameda13

A13 –  Agora, aquele segredinho que todas queremos saber: como fazer uma pele perfeita?

RK: Base e primer! Quanto mais você puder investir nesses produtos, invista, porque realmente vale a pena para a pele ficar bonita. A aplicação deve ser feita com o pincel, não fica pesado e valoriza a maquiagem.

A13 – Se uma mulher tivesse que escolher apenas três produtos de beleza para passar o resto da vida, em sua opinião, o que ela deveria escolher para estar sempre linda?

RK: Base, batom e rímel! Rímel principalmente, pode estar acabando o mundo mas você tem que usar! (Risos).

MARESSADEMORAES

Então meninas, depois dessas perguntinhas respondidas fazer uma maquiagem assim em casa se tornou muito mais fácil, né? O Ruan reproduziu a make e o resultado não poderia ser outro, ficou incrível! Ele atende no Noblesse – Instituto da Beleza, aqui em Francisco Beltrão, super indico!

Espero que gostem.

Até a próxima, girls!

Xoxo,

Mare.

GOURMET

Hot News! Toro Steak House

TORO_logofinal_curvas-01 (1)

E chegou ao fim o mistério do que está sendo construído no antigo prédio da Av. Beira Mar Norte, que já abrigou Café Cancun, El Divino e por último as baladas Sete e Cash e o Restaurante Red. Será o Toro Steak House, que chega com três diferentes propostas dentro de um mesmo ambiente: Restaurante, Market e Bar. O serviço do Restaurante terá dois formatos: menu degustação e à la carte. Os chefs de cozinha, que vieram do Gero (Fasano), Fogo de Chão e NB Steak, já estão em Florianópolis trabalhando no local que tem previsão de inauguração no final do mês de julho / início do mês de agosto. A loja será um shop de carnes de altíssima qualidade, temperos e demais produtos oferecidos no restaurante. Já o bar oferecerá petiscos e uma extensa e caprichada carta de drinks e vinhos. A adega será um dos pontos altos do no espaço.

Adorei!

Beijo, Beijo.

Mari.

 

LOOK DO DIA

we love pop again

mariana de moraes pop again alameda13 blog

Já conhecem a  Pop Again? A loja on line mais cool do momento. Peças super incríveis em um universo maravilhoso e ultra divertido. Esta jaqueta que fez o maior sucesso no meu instagram é da pop. Corre lá conferir!

Foto: Marco Dutra

Beijo, Beijo.

Mari

TV ALAMEDA

Uma tarde no Urban Hair – Update no cabelo

Eee! O canal do blog está no ar. Depois de muito tempo resolvi reativar e agora ele será sempre atualizado. O planejamento é toda semana rolar vídeo, será que vou conseguir? kkkk Me contem o que acharam deste, se inscrevam no canal e me acompanhem viu?! Estou super animada.

Beijo, Beijo.

Mari.

SOCIAL

Olá, qual seu nome?

Este é um post muito especial para mim! Mais que um projeto, um sonho. Feliz demais em ver a realização de algo tão desejado por mim e minha irmã, Maressa, tomar forma. O movimento “Olá, qual seu nome?” visa doar além de itens básicos, tempo para conhecer a história de quem vive nas ruas. Escrevi este release e acho que após a leitura dele, vocês entenderão tudo..

Conheça “Olá, qual seu nome”, movimento que visa doar tempo e ouvir histórias de vida dos moradores de rua

Eles estão diariamente expostos aos mais diferentes perigos e situações. Na maioria das vezes, sem amparo de órgãos públicos, levam uma vida indigna e de solidão. O projeto nasceu com o intuito de fazer com que essas pessoas sejam vistas pela sociedade, livre de julgamentos.

 O que é o movimento?

Por vezes a condição de viver nas ruas é estabelecida pelo destino, sem nenhuma expectativa de mudança. A possibilidade surge quando ajudamos, confortamos e mostramos que a vida pode ser muito mais do que aquilo que lhes foi imposto.

Viemos para ser voz. Para doar nosso tempo, dedicando algumas horas da semana para ouvir e falar com quem tem tanto a dizer. Nosso objetivo é mostrar aqueles que vivem invisíveis. Enxergar e amparar. Libertar a sociedade dos estigmas e pré-conceitos que hoje são senso comum. Quem está na rua tem uma história – E nós iremos contá-la.

Como funciona?

O movimento é de conscientização e execução de etapas. Semanalmente reunimos um grupo de pessoas para fazer as visitas. Vamos ao encontro dos moradores de rua com alimentos e bebida. Cachorro-quente, sopa, café, chá. O que for mais adequado para o momento. Seguimos munidos de kits de higiene pessoal. Cada morador recebe sua própria sacolinha com itens como escova de dente, creme dental, sabonete, uma toalha e desodorante. Para mulheres, alguns detalhes a mais – Lenços umedecidos, absorvente e batom – Sim, você é importante e queremos resgatar sua autoestima.

Dedicamos este momento da entrega para conversar. Iniciamos sempre com um sorriso e – Olá, qual seu nome? – Assim seguimos o papo buscando entender a realidade de quem está em nossa frente e ver de que modo podemos ajudar efetivamente. Objetivamos criar laços, gerar uma relação de confiança para mostrar um novo caminho a estas pessoas, entendendo seus desejos e anseios, buscando transformar vidas.

[UPDATE] Abaixo, uma entrevista que dei ao SBT onde expliquei tudinho e mostrei algumas histórias que vi nas ruas..

Sigam o Instagram do projeto @qualseunome e curtam a página Olá, qual seu nome. Lá, vocês encontram atualizações diárias, vídeos e tudo relacionado ao movimento. Qualquer dúvida o e-mail é olaqualseunome@alameda13.com!

Beijo, Beijo.

Mariana de Moraes.

GOURMET

Novo menu no Rancho Açoriano

Rancho Açoriano 25.maio.2016 - Foto Paulinho Sefton©-53

De entrada: caldinho de garoupa, pescado pelo filho Bruno, preparado pela Dona Zenita e para servir na casa do seu Dario e de toda a família Gonçalves, que há 19 anos no Ribeirão e há 12 no Itaguaçu, comandam o Rancho Açoriano, referência em frutos do mar e na gastronomia artesanal mané. A receita abre o novo menu de inverno do restaurante, com lançamento à imprensa, blogueiros e convidados no sábado, 4, às 20h, no Sul da Ilha.

No cardápio, além do caldinho, estreiam o ragu de siri, refogado com manga e leite de coco, e gratinado com queijo parmesão; e a ostra ao molho de gorgonzola com crispy de alho poró. Como prato principal, duas opções: o polvo mediterrâneo, grelhado com tomate confit e acompanhado de purê de mandioquinha e cuscuz marroquino; e o talharim al mare, com molho de nata, polvo, lula e camarão. De sobremesa, o quitute típico da gastronomia portuguesa, pastel de nata.

O evento marca o início do calendário especial da temporada fria, que mensalmente irá contar com jantares temáticos, harmonizações, festivais e até passeios pela fazenda própria de ostras da casa.

Delicia hein?! Sábado estarei lá e contarei tudo pelo Snapchat – Maridmoraes. Acompanhem!

Beijo, Beijo.

Mari.

MODA PARA LER

Personalização do Luxo, excesso ou exclusividade?

Hello! Conhecimento bom é conhecimento compartilhado né?! Por isso, a partir de hoje vou publicar algumas matérias que escrevi para Revista Catarina e Caderno Donna do jornal Diário Catarinense para aqueles que perderam a edição e não viram este conteúdo.

Hoje, começo com uma das minhas favoritas onde entrevistei entre outros nomes a artista inglesa Boyarde, de quem sou super fã. Enjoy!

gucci

O luxo está em evidência. Os números impressionam e os anseios destes consumidores surpreendem. Para um país de contrastes como o Brasil, os dados de mercado são impressionantes.

Mais do que leais, os compradores do segmento tendem a ser fascinados pelas marcas, se dispondo a pagar preços elevados em troca de valores tangíveis e intangíveis, criando um cenário onde a satisfação da autoestima é diretamente proporcional a expressão de um alto status econômico, seja ele real ou aspirado.

Apesar das opções entre jóias, cosméticos, carros e imóveis, a liderança absoluta no cenário Brasileiro são produtos de moda. Entre as empresas direcionadas ao público AAA, 27% atuam em moda, seguido por calçados (17%), e automóveis com 10%.  Diante de um consumidor cada dia mais exigente, as marcas de luxo são lapidadas nos conceitos de design, estilo e qualidade visando conquistar mais espaço e ampliar os negócios.

Na busca de diferenciação, empresas se renovam continuamente redobrando a atenção sobre sua essência. O consumidor de luxo mudou, rejuvenesceu. E da necessidade de atender este público mais jovem e ávido por novidades, surgiu a personalização dos produtos, tornando o único ainda mais exclusivo.

“A globalização deixou o mercado de luxo acessível a um número maior de pessoas. O serviço personalizado é uma saída para criar peças únicas para consumidores que querem ser diferentes”, aponta Christina Pitanguy, consultora de moda, imagem e luxo do Shopping Leblon, no Rio de Janeiro.

Ainda na primavera de 2001 Marc Jacobs criava a estampa Monogram Grafite em parceria com Stephen Sprouse. Na época, o diretor criativo da Louis Vuitton convidou o artista americano para grafitar os acessórios da marca, desenvolvendo uma versão da logomarca mais cool e jovem. O sucesso foi tamanho que a estampa abriu e fechou o último desfile de Marc para Vuitton.

Em 2003 o artista japonês Takashi Murakami coloriu o holograma da Louis Vuitton e aplicou nas peças seus inconfundíveis personagens, inspirados na cultura pop japonesa. Em 2008 o artista e fotógrafo Richard Prince também colaborou em uma coleção, fazendo intervenções nas cores das bolsas. Com estas parcerias, a grife francesa teve seu faturamento quadruplicado.

Boyarde

Seguindo na linha pop, a britânica Boyarde Messeger ganha cada dia maior notoriedade com a personalização. A artista que iniciou seu trabalho com pintura corporal se diz fascinada por telas incomuns e tem como uma de suas maiores realizações a parceria com Charlotte Olympia, onde assumiu o desafio de pintar 100 modelos de sapatos “Dolly” exclusivos. Feitos a mão, cada uma das peças reproduz grandes obras dos icônicos pintores Van Gogh, Piet Mondrian, Picasso, Jackson Pollock e Robert Delaunay.

Sua expertise são bolsas. Com desenhos que lembram histórias em quadrinhos de Roy Lichtenstein, as pinturas feitas em cores primárias são as favoritas de nomes como Donata Meirelles, Andrea Dellal e a britânica Tamara Ecclestone.

boyard

Como foi a experiência de trabalhar com Charlotte Olympia e desenvolver uma coleção tão rica em referências como Van Gogh e Piet Mondrian?

Foi um desafio fantástico. A idéia de pintar 100 pares de sapatos manualmente foi difícil, em contrapartida é extremamente gratificante ver o produto final e testemunhar o quanto os clientes adoraram o resultado. Charlotte e eu decidimos ter como inspiração para os desenhos grandes mestres, então, Van Gogh e Mondrian foram ideais para esse desafio.

Ao personalizar bolsas de luxo você agrega ainda mais valor a itens que já são exclusivos. Como vê seu trabalho e responsabilidade em relação a isso?

Como artista, eu vejo a bolsa ou sapato como uma tela. Acredito que se tratando de moda a peça permite que o cliente se expresse pelo que usa, é motivador. Cada item é exclusivo. Eu tento fazer cada trabalho como único.

De onde vem inspiração para criar as ilustrações? O cliente lhe dá um direcionamento sobre o que busca?

O cliente vem até mim porque gosta do meu estilo pop art e o bom humor dos quadrinhos. Eu então, trabalho em conjunto com eles para criar uma obra única que reflita sua personalidade.

Conte-nos sobre seu processo criativo e desafios com a pintura em couro.

Passei por um amplo processo de pesquisa e testes para encontrar o procedimento mais eficiente que garantisse a longevidade do meu trabalho artístico. As bolsas são preparadas e envernizada para fazer os projetos. Tenho experiência com inúmeros tipos de couro e tornei-me muito bem informada. Principalmente as variações de couro da Hermes.

Há uma tendência no mercado de luxo em tornar itens clássicos em únicos, personalizados. Você, Sofia Webster, Anya Hindmarch são nomes que despontam e conquistam cada dia mais admiradores. Como você vê este movimento?

Eu simplesmente amo o trabalho de Sophie Webster assim como Charlotte Olympia. Pessoalmente, sinto que as fronteiras entre moda e arte são tênues. Vejo que há uma sede para abraçar todas as coisas familiares da cultura popular, como objetos e itens que nos dão nostalgia. Acredito que agora a moda reflete este movimento e encontra o equilíbrio entre a inocência e malícia, se divertindo muito com o processo.

Louis-Vuitton letras

Na Louis Vuitton, é possível personalizar a bolsa com letras e listras. É cobrada uma porcentagem que varia de 20% a 40% dependendo do modelo.

A loja Goyard do shopping JK Iguatemi, em São Paulo conta com ateliê interno onde oferece dois tipos de serviço de customização: o marquage, que acrescenta suas iniciais e listras na peça, e o marquage especial, onde o cliente escolhe um desenho específico.

burberrybag

Na Burberry as bolsas pintadas à mão aparecem em seu desfile outono-inverno 2014/15

Luxo e bom humor na Fendi

Há dois anos Fendi lançava sua linha de Buggies. Feitos com pele de raposa e couro, cada bug expressa um sentimento diferente, oferecendo ao consumidor maior possibilidade de personalização. De acordo com o humor do cliente, o chaveiro premium é escolhido; alegre, bravo, esnobe ou apenas esboçando um sorriso são algumas das opções cheias de personalidade oferecidas pela marca.karlito

Mais de meio milhão de libras é o valor estimado da criação de Karl Lagerfeld rendeu para Fendi até o fechamento desta edição. O Karlito, desfilado pela primeira vez na passarela de primavera verão 2015 da marca é sucesso absoluto e rende fila de espera em todas as lojas da Maison. Composta por tênis, mochilas, bonés e chaveiros, a minicoleção de estilo fun trouxe o público jovem para Fendi, transformando o clássico em cool.

No universo on line também é possível personalizar. A gigante italiana lançou recentemente o aplicativo para tablets chamado MyBaguette. Nele, consumidores viram artistas e customizam a icônica bolsa. Com modelo ideal criado, o usuário pode compartilhar sua baguette junto as de artistas renomados que já criaram em parceria com a Fendi. Além disso, mensalmente é eleita a Baguette of the Month, com direito a destaque no aplicativo e os devidos créditos ao criador.

Também é possível personalizar com discrição. O modelo Toujours, (que significa sempre em tradução livre), é a bolsa da mulher contemporânea Fendi. Formas retas, texturas diferentes e as iniciais gravadas da bolsa, colocam o item no topo da lista de desejos da marca, provando que a personalização pode agradar todos os públicos.

A criatividade empreendedora de Anya Hindmarch

“A moda deve ser divertida”. Com essa frase Anya Hindmarch inicia sua defesa de coleção.  A designer que se posiciona criando para suas clientes e não para o mercado carrega em si o espírito empreendedor de quem está há 25 anos no negócio.

Com o Know-how de quem carrega a medalha de membro do Império Britânico desde 2009 em cerimônia no palácio de Buckingham, Anya é nome de peso entre o público cool britânico e tem uma longa lista de clientes célebres como Reese Witherspoon, Claudia Schiffer, Kate Moss, Angelina Jolie e até Princesa Diana.

anya

Gerenciando hoje 58 lojas, sua história iniciou com 18 anos na Itália enquanto fazia um curso de italiano. Ao notar a aceitação de uma bolsa estilo saco, a designer decidiu levar uma de volta para Inglaterra onde desde seu retorno, passou a vender sua própria versão do acessório.

Desde a abertura de sua primeira loja, Anya solidificou sua marca por meio de colaborações com a Selfridges e a British Airways, entre outras empresas, e continua em plena expansão.

O conto de fadas contado por Sophia Webster 

Possibilidades infinitas e criação ilimitada. Sophia Webster escreve sua história no mercado de luxo fugindo do tradicional e divertindo-se com sua marca. A designer que diz contar histórias em suas criações revela uma nova visão sobre a sensualidade feminina; para ela, o sexy é o criativo, inusitado e principalmente, divertido.

charlotter

Com uma carreira acadêmica marcada por muitos prêmios, incluindo os Cordwainers na London College of Fashion Award of Excellence, o Designer Drapers Footwear Student of the Year, e o Browns Shoe Designer Award, Sophia é referência no desenvolvimento de uma estética única, incorporando desenhos femininos sob uma abordagem sofisticada e moderna.

Além de seu talento para criação, o espírito empreendedor faz parte de seu DNA. A designer lançou sua primeira loja pop-up no Burlington Arcade durante todo o verão de 2013, devido ao sucesso do primeiro, um segundo foi inaugurado em Covent Garden.

Sophia vê em cada ocasião uma oportunidade de negócio. Notando a grande procura de noivas por seus sapatos modelo “Coco”“Evangeline” ela desenvolveu linha exclusiva para o nicho, que imediatamente criou filas de espera em suas lojas e já é sucesso absoluto.

cats

De olho no cenário Catarinense

Atentos a movimentos internacionais, empresas de Santa Catarina adaptam a tendência de personalização de acordo com a realidade local.

Com um parque fabril de 10 mil m² e 5 mil m² de área construída, a empresa calçadista Raphaella Booz produz mais de 1 milhão de pares de calçados por ano. Entre os diferenciais de mercado, processos artesanais e produtos personalizados merecem destaque.

Na trama, o sapato é formado por finas tiras de Poliuretano (PU) que são tingidas por imersão e depois entrelaçadas e presas. Todos os itens em PU são feitos um a um, ou seja, não há cortes. Há também o processo de Cestaria, onde as tramas são todas feitas à mão. Além dos calçados, bolsas com ilustrações resultam em produtos atuais que imprimem de identidade.

Apostar em novidades e criações personalizadas sempre foi um desejo latente no trabalho da designer catarinense Laci Baruffi. Apesar de manter modelos clássicos e comerciais nas suas coleções, ela frequentemente investe em detalhes que fazem mesmo a diferença:

– Acho que tenho isso no sangue. Minha mãe fazia coisas lindas, peças artesanais, bordadas, que chamavam a atenção e se sobressaiam – revela a empresária que estreou no ramo trazendo consigo as lições aprendidas em casa.

Assim surgiu a interessante parceria com a artista plástica Adri Volpi, que imprimiu sua arte de inspiração urbana e traços lúdicos em modelos criados por Laci Baruffi especialmente para este fim. As peças foram expostas em Nova York, em 2013, e passaram pelo crivo da Vogue Brasil no evento itinerante Vogue Fashion Night Out.

Este ano a designer de bolsas personalizou deixou sua marca pessoal ainda mais intensa na coleção-cápsula Giardino, uma linha para esta primavera, onde os modelos exibem aplicações de flores de couro texturizado ou estampado sobre a base lateral frontal de três modelos de bolsas.

A inspiração veio do próprio jardim de casa:

– Existe uma tendência de brincar com cores ou imagens lúdicas. Eu gosto tanto dos meus canteiros, cultivados com tanto carinho, que decidi fazer uma releitura destes espaços nas minhas bolsas – conclui Laci Baruffi.

A busca é cada vez mais por emoções

Buscando viver experiências, o O filósofo francês Gilles Lipovetsky aponta que o perfil do consumidor está mais disperso e mais diverso. A compra por si já não satisfaz, é necessária diferenciação. A realização pessoal ocorre quando a experiência é prazerosa e o produto atende características ímpares de cada cliente. Mais uma vez, o maior desafio dos criadores é a diferenciação.

Beijo, beijo.

Mari.