DECORAÇÃO

HOME – Adegas em casa

Os amantes de um bom vinho sabem que a maneira que a garrafa é armazenada, faz toda a diferença na preservação e qualidade da bebida. Para isso, o mercado oferece uma variedade de adegas para casa, que variam em tamanho, capacidade de armazenamento e características técnicas especiais.

Há os que preferem (e tem espaço) para construção de uma adega completa em casa, mas a maioria das pessoas opta pelas disponíveis no mercado, seja uma mini adega no bar da sala ou um compartimento maior em local especial.

São dois os principais tipos de adega: As sem refrigeração e climatizadas. A temperatura da guarda dos vinhos é fundamental, pois é ela que irá garantir a excelência das principais propriedades da bebida. O ideal é que a temperatura seja sempre mais fria e constante, por isso, se optar por um ambiente sem refrigeração, o porão de casa é uma ótima alternativa.

Se o objetivo é criar um ambiente para vinhos no espaço da sala integrando com a decoração, tratando-se de um local suscetível a variações de temperatura, o indicado é usar um sistema de climatização.

Feitos sob medida ou adquiridos prontos, as adegas refrigeradas são fundamentais para guardar a bebida de forma correta. Para boa uma vedação, a melhor alternativa são os armários com portas de vidro de abrir, e nunca de correr. Muito importante – Caso deseje fazê-la próxima à churrasqueira ou à lareira, o ideal é afastá-las de 50 centímetros a um metro, evitando a transmissão de calor.

Sobre o armazenamento, as garrafas podem ser colocadas em suportes individuais ou em favos para seis ou doze frascos. Neste último caso, usa-se os favos de madeira. Um dos materiais muito utilizados também é o aço inox. Com ele as possibilidades são muitas, porém, o mais indicado é o modelo com suportes de barras horizontais, simulando prateleiras.

Selecionamos algumas inspirações e referências para desenvolver o espaço ideal para guardar seus vinhos em casa. Confira a galeria no início deste post.

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply